Avançar para o conteúdo principal

Espírito Santo

O Espírito Santo é uma realidade viva, concreta e permanente. Ele veio em missão para habitar nos cristaos e as suas ações visam edificar, consolar, guiar e fortalecer os cristãos no sentido de constituírem a Igreja, que é o verdadeiro corpo do Senhor Jesus Cristo, do qual fazemos parte na condição de membros.
Realmente, quando o fruto do Espírito é externado através de cada um de nós, então, temos o próprio Senhor Jesus andando com nossos sapatos, vestindo a nossa roupa, falando, ouvindo, vendo; enfim, participando do nosso cotidiano e brilhando através de nós por onde formos. Isso é o cristianismo verdadeiro, retrato autêntico da Igreja primitiva, a imagem e semelhança de Deus resgatada novamente pela fé.

“Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio. Contra estas coisas não há lei.” Gálatas 5.22,23

Amor: Verificamos, de imediato, que o amor puro e verdadei­ro começa com uma dádiva; exatamente o oposto do amor deste mundo, que está mais interessado em receber que dar. O amor é paciente, é benigno; o amor não arde em ciúmes, não se ufana, não se ensoberbece, não se conduz inconvenientemente, não procura os seus interesses, não se exaspera, não se ressente do mal; não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
O amor jamais acaba; mas, havendo profecias, desaparecerão; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, passará; Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três; porém o maior destes é o amor.”

Este sentimento tão profundo é a base de um caráter genuinamente cristão e sobre ele estão todas as demais virtudes da personalidade moldada pelo Criador. Este é o amor que devemos cultivar em nossos corações, permitin­do que flua de nossas vidas para outras vidas, porque este é o amor que procede de Deus.

Quando o Senhor Jesus esteve entre nós, qual foi o âmago de Sua mensagem? A cura divina? A libertação dos cativos? Bem, isso era evidenciado no Seu ministério e estava dentro do contexto principal de Sua Palavra. Entretanto, o que mais nos chama atenção na Sua mensagem é o Reino de Deus.

Mas o fato é que precisamos reparar nossos erros a partir de agora, imediatamente, a fim de servirmos aos propósitos do Espírito Santo neste mundo e viver de acordo com os princípios do Reino de Deus.

 “Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento.” Mateus 22.37

Esse é o segredo do sucesso na vida, sob todos os aspec­tos, porque a partir do momento em que focali­zamos todo o nosso amor em Deus, Ele, por sua vez, também focaliza todo o Seu amor em nós, e daí há um relacionamento mais estreito entre o Criador e a criatura.

Alegria: como fruto de Deus em nós significa um estado permanente de graça diante do Senhor, uma satisfação constante pela certeza de que todas as coisas referentes a nós estão absolutamente nas mãos de Deus,

Paz: Ela não é adquirida com uma simples sensação de bem‑estar entre as pessoas, mas através de uma profunda tranquilidade na alma, e esta só é possível quando Deus, na Pessoa do Seu Filho Jesus Cristo, pelo Seu Santo Espírito.
É interessante observar que tudo o que atinge o nosso interior é durável e permanente, pois cria dentro de nós um mundo totalmente particular e independente. Isso é maravilhoso, porque não ficamos na dependência de terceiros para que possamos atingir, no caso, a paz real.


Longanimidade: Esta é uma qualidade genuinamente cristã, pois ninguém pode evidenciar um caráter longânimo se não estiver absolutamente envolvido pelo Espírito do Senhor Jesus, porque ser longânimo significa ser paciente para suportar ofensas.

Benignidade é outra expressão de profundo amor cristão, pois ela se caracteriza pela flexibilidade de tratamento gentil e cordato a todo o tipo de pessoas,

Bondade é mais uma forma de amor e em muito se assemelha à benignidade. É tolerante e não mede sacrifícios para ajudar e fazer valer a força do amor pelo seu semelhante, não importando a sua raça, religião, sexo, idade, etc.

Fidelidade: Não há amor sem que haja fidelidade, assim como não há fidelidade se não há amor, tendo em vista que a fidelidade faz parte do caráter leal do amor, razão pela qual a fidelidade é o amor em exercício.
O Espírito Santo tem permitido que passemos por tribulações mil, a fim de provar a nossa fidelidade ao nosso Senhor Jesus. O Espírito Santo tem acompanhado a fidelidade de cada um de nós, especialmente quando “as coisas não vão como esperamos”.

Mansidão: Ela revela uma brandura de génio e índole, que é o resultado da verdadeira humildade. Humildade esta resultante do reconhecimento do valor alheio soma­do à recusa de considerarmo-nos melhores que o nosso semelhante

Domínio Próprio: É imperiosa a necessidade de manter-se um domínio próprio, mesmo diante de todas as provocações, a fim de que, pela nossa conduta exemplar, as pessoas possam ver o Senhor através de nós. Assim, também evitamos descer no nível daqueles que se encontram nas trevas.
A graça do domínio próprio não é menos importante que as demais, pois ela dá um sentido genuinamente cristão, um autocontrole de si mesmo ante os impulsos da carne que nos conduz à morte. Todo cristão precisa de uma temperança, de uma autodisciplina para representar o seu Senhor aqui neste mundo.

Texto extraído do Livro "O Espírito Santo"

Bispo Edir Macedo

Comentários

Populares

Café da Manhã ou Lanche da Tarde

Quem gosta de um ovo frito? Aqui estão algumas dicas divertidas de prepará-lo. E um lanchinho gostoso e criativo, você pode acompanhar com refrescos, café, chocolate, batidos, chá e aproveite para reunir a família e amigos ...

Quem não gosta de sentar a mesa para comer e ver essas coisas apetecíveis, é de deixar água na boca, aproveite essas ideias e melhore a apresentação e o sabor dos seus lanches...

Agora é só fazer, mãos a obra...

3 - Não é visto, mas é Amado

“Não havendo visto a Jesus, vós o amais” 1 PEDRO 01:08
- Mamãe, como é Jesus? De que jeito é o Seu rosto? – perguntou Luísa. Sua tia lhe havia dado um quadro de Jesus no seu aniversário e não era nada parecido com os outros quadros de Jesus que ela conhecia. Foi por isso que ela perguntou: - Como é Jesus? A mãe não pode dizer. - Não sei, benzinho. Ninguém sabe – respondeu ela. Quando Ele viveu aqui no mundo, ninguém fez um retrato dEle. Os quadros que temos são pintados por artistas que imaginaram como Ele devia ter sido. - Quer dizer – disse Luísa, - que todos os quadros de Jesus são faz-de-conta? - É sim – disse a mãe. - É o que podemos ter. Ninguém sabe mesmo qual foi a aparência dEle. Você acha que ainda pode amá-lO sem conhecer o Seu retrato? – perguntou sorrindo. - É claro que sim – disse Luísa. – Eu O amo sem saber como Ele é. Mas eu queria saber. - Você me faz lembrar de um versículo da Bíblia – disse a mamãe. – É assim “Não havendo visto a Jesus, vós o amais”. Foi o que Pedro escreveu…

Corajosos - A Resolução

Como policiais: Adam, Shane, Nathan e David enfrentam bravamente gangues violentas e o tráfico de drogas na cidade de Albany. No entanto, o maior desafio de sua vida não está nas ruas, mas dentro de casa. A relação de cada um desses homens com a esposa e os filhos está ruindo, mas nenhum deles faz nada para resolver a situação. Apenas quando uma tragédia se abate sobre Adam é que eles percebem que precisam mudar seu comportamento e reconquistar a confiança de suas famílias. Com a fé abalada, Adam começa a estudar a Bíblia para descobrir o que Deus espera dele como pai e o que deve fazer para se tornar uma pessoa melhor. Assim, descobre nas palavras de Jesus a sua verdadeira missão: deixar um legado positivo para seu filho e ajudar outros pais a colocar a família em primeiro lugar.Tocado por esse aprendizado, Adam inspira seus amigos a assinar um documento comprometendo-se a ser pais e maridos mais presentes. A "Resolução" acaba tomando uma proporção maior do que o imaginado …

10 Atitudes que podem mudar o seu Dia

Uma auxiliadora Idônea

Como Auxiliadora do homem, a mulher tornou-se sua parceira na vida e na tarefa de obediência a Deus, ela exerce uma função muito digna e ganha valor ao assumir com humildade a postura de auxiliadora idônea. Ela tem o papel importante de gerar filhos e é a amiga confidente do seu marido que lhe proporciona companheirismo e conforto, ninguém consegue encorajar e inspirar mais do que ela. A mulher não é superior e nem inferior, ela é diferente e única, foi criada da costela do homem pelas mãos de Deus com o propósito de ser sua auxiliadora e estar ao lado dele por toda a sua vida, através de uma união feliz e duradoura
Deus disse que não era bom que o homem estivesse só; e lhe fez uma Auxiliadora Idônea. Gn 2.18.

Para  ter um Casamento feliz, todas as mulheres precisam exercer o seu papel de auxiliadora. O termo auxiliadora representa: Respeitar, Ajudar, Acrescentar, Acudir, Socorrer, Proteger e Facilitar. E Idônea significa uma pessoa adequada e capacitada para realizar determinada tarefa,…

Espírito Excelente

Daniel se distinguiu dentre presidentes e sátrapas, porque nele havia um espírito excelente; e o rei pensava em estabelece-lo sobre todo o reino. Dn 06.03
Ele se distinguiu porque temia a Deus, sua prioridade era agradar e obedecer ao seu Senhor, o Espírito Santo habitava nele, mas o próprio espírito de Daniel era excelente e o fazia ser diferente e melhor em tudo dos demais.
O teu espírito é visto quando você coloca excelência em tudo o que faz para glorificar à Deus diante dos homens, servindo da melhor maneira a Deus e aqueles que estão ao seu redor. A fidelidade a Deus e a dedicação em fazer o melhor em absolutamente tudo, sem deixar espaço para acusação dos invejosos, é responsabilidade sua.
Qual o significado da palavra excelente e quais as suas qualidades? Isso é muito importante para quem quer ter o espírito excelente, praticar o que se aprende para que a sua vida nunca mais seja a mesma. Significado de Excelente  Que possuí ou demonstra ótima qualidade; característica ou particular…

Perfeito Sacrifício

O Salmos 22 foi cumprido pelo Senhor Jesus na cruz do calvário, o seu sofrimento é descrito através destas palavras profundas que ecoam pelo tempo; mais vivas do que nunca, é como se ainda pudéssemos ouvir o seu clamor... O Filho de Deus foi obediente até a morte, para que através do Seu Perfeito Sacrifício , aquele que crer Nele seja salvo. Durante o período de crucificação houve escuridão sobre a terra e a humanidade não sabe completamente tudo o que se passou na cruz, por isso esse salmos está relacionado ao sofrimento e vitória do nosso Senhor sobre todo o poder do diabo. E Jesus clamando com grande voz, entregou o seu espírito, cumprindo a sua Missão... O véu do santuário se rasgou, a terra tremeu, sepulcros foram abertos e corpos de santos foram ressuscitados; o centurião e os guardas vendo tudo o que se passava, ficaram possuídos de grande temor e exclamaram: Verdadeiramente este era Filho de Deus. Mt. 27. 45 - 54
01 Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste? Por que se acham l…

A fé que vem de Deus

A fé que está fundamentada na Palavra de Deus, não é superficial ou momentânea, mas profunda, forte e convicta porque combina com os propósitos de Deus.
A vontade de Deus é sempre a melhor para nós, muitas vezes achamos que aquilo que queremos ou pensamos é o correto e ficamos insistindo, como se os olhos estivessem fechados, sem querer enxergar; mas se não estiver de acordo com a vontade de Deus, não irá se realizar e o diabo se aproveita disso e vem com as as suas sugestões que mexem com o ego do ser humano, mas só enganam, iludem, são cheias de mentiras e o resultado será o fracasso, tristeza e perdição.

A fé vem pelo ouvir e ouvir a Palavra de Deus (ouvir, crer e praticar)... Até quando o ser humano irá aceitar a situação lamentável em que está a viver, não transpondo os seus próprios limites e dando o seu grito de revolta... A falta de fé tem levado muitos a uma vida de humilhação, derrotas, desespero, fracassos constantes e os problemas tem regado a vida arrastando-os como uma cor…

A Riqueza da Fé

Quando se fala em riquezas, podemos imaginar mansões, carros luxuosos, jatos particulares, jóias, roupas e sapatos de grandes marcas, viagens pelo mundo e etc... afinal tudo isso faz parte de um alto padrão de vida Mas a riqueza da fé é completamente diferente, não é da forma como o mundo a julga, superficial, usada só em alguns momentos, pouco se fala nela, mas todos dizem que a possuem.
A fé é profundamente forte e poucos a exercem. Vamos ver a descrição da palavra Fé: É a certeza de coisas que se esperam, a convicção de fatos que ainda não vemos. 

Sem fé é impossível agradar a Deus; porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que Ele existe e que se torna galardoador dos que o buscam
Aos olhos humanos isso parece loucura, como vou esperar com convicção alguma coisa que não existe, que não sei aonde está e que não vejo... Não basta ter fé em Deus, é preciso agir esta fé, a ação da fé é que produz o resultado.
A Fé não se explica, ela simplesmente acontece, brota de de…

Sexta Carta: Igreja em Filadélfia

As características desta Igreja mostram a sua grandeza diante do Senhor; pois não há nenhuma censura com ela, senão só elogios. Apesar da Igreja em Filadélfia estar próxima daqueles que estavam espiritualmente mortos; ela se conservou viva e pura diante do Senhor. Esta Igreja pode representar os cristãos que mesmo devido a sua condição de fraqueza, ainda assim apresentam obras para Deus; porque não importa se a sua força é pequena ou grande, como o Senhor Jesus disse a esta Igreja, que ela tinha pouca força, entretanto guardou a Palavra e o Nome do Senhor, pois isto jamais influenciará na condição de se poder conquistar, desde que se mantenha o firme propósito de praticar a Palavra de Deus. Os seus trabalhos na Obra de Deus quase nunca aparecem diante dos demais; todavia, a sua fidelidade na obediência a Palavra de Deus fazem deles uma Igreja imaculada e irrepreensível perante o seu Senhor. Na carta a Igreja em Filadélfia o Senhor Jesus se revela como Santo e Verdadeiro... Santo signifi…